PT brinca de SimCity com Zé de Abreu em vez de trabalhar

De rosa ou azul, petistas brincam de SimCity, já que não há trabalho para fazer. Foto: Randy Fath/Unsplash

De rosa ou azul, petistas brincam de SimCity, já que não há trabalho para fazer.

Foto: Randy Fath/Unsplash

O BRASIL, QUE JÁ não tem propriamente um governo, certamente não pode dizer que tem oposição. O principal partido que em tese carrega essa responsabilidade está preferindo brincar de SimCity – ou seria Jogo da Vida? – com José de Abreu (1 nível de Ator, 13 níveis de Petista).

A gostosa brincadeira começou quando Zé de Abreu decidiu se autoproclamar presidente do Brasil, numa referência muito inteligente ao presidente Juan Guaidó, da Venezuela. Só que aí petistas com muitas estrelas nas ombreiras resolveram participar também desse mundo imaginário. Marcelo D2 aceitou a indicação para a “Comissão de Aproveitamento Científico da Cannabis”. A deputada federal Maria do Rosário (PT-RS), para vice-presidenta. E o ex-candidato-fantoche Fernando Haddad, que teve problemas com dívidas de campanha, com muito gosto aceitou a presidência do Banco Central, mesmo que de faz-de-conta. É absolutamente significativo que não tenha expressado interesse em voltar ao MEC imaginário, para o qual, aliás, foi convidado e esnobou.

Líderes petistas estão brincando de faz-de-conta com um menino de 72 anos. Felizmente o governo Bolsonaro não está fazendo nada de errado e não há trabalho para a oposição fazer.

Cadastre-se para receber atualizações de A Agência por e-mail ou Whatsapp.

Para o Início