Empresa de Stabile, que assumiu autoria de vídeo, fez doações eleitorais até 2010

Osmar Stabile: empresário que assumiu autoria do vídeo é conselheiro do Corinthians. Foto: Reprodução/Gazeta Esportiva

Osmar Stabile: empresário que assumiu autoria do vídeo é conselheiro do Corinthians.

Foto: Reprodução/Gazeta Esportiva

O EMPRESÁRIO OSMAR STABILE, diretor-presidente da BendSteel, assumiu nesta terça (2) a autoria e produção do vídeo pró-golpe de 1964 compartilhado no domingo (31) por canal oficial do Palácio do Planalto. O furo de reportagem é do Congresso em Foco, do UOL.

Stabile é conselheiro vitalício do Corinthians. Em 2007 e de novo em 2017, ele se anunciou candidato a presidente do clube.

O portal Às Claras, mantido pela Transparência Brasil, lista doações da BendSteel a campanhas eleitorais, conforme dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo o site, a BendSteel fez doações em quatro anos: 2002, 2004, 2008 e 2010. Nos três primeiros casos, o valor total por ano é inferior a 10 000 reais, e abrange candidatos do PL (já extinto), PSB e PDT. Entre eles, está Jorge Abissamra, o Dr. Jorge, eleito em 2004 prefeito de Ferraz de Vasconcelos (SP).

Abissamra foi preso preventivamente em novembro de 2017 em ação que investiga lavagem de dinheiro de corrupção e ocultação de 39 imóveis, e recebeu liberdade provisória em fevereiro de 2018.

Segundo o Estadão, o sucessor de Abissamra, o também ex-prefeito Acir Filló, acusa o antecessor “de montar uma ‘quadrilha’ para fraudar licitações e pagar propinas a pelo menos 19 vereadores e ex-vereadores da cidade nos últimos treze anos”.

Em 2010 a BendSteel declarou sua maior doação: 150 000 reais para a campanha de Antonio de Sousa Ramalho (PSDB), o Ramalho da Construção, a deputado estadual. Em fevereiro de 2011, Ramalho foi espancado por policiais no Villa Country, uma balada de música sertaneja.

Gostaria de ajudar A Agência? Contribua com o financiamento coletivo (crowdfunding) do projeto.

Para o Início