Autor de ‘Pare de Acreditar no Governo’ é exonerado do MEC

O autor de 'Pare de Acreditar no Governo' não completou três meses no MEC. Foto: Reprodução/Grupo Editorial Record

O autor de ‘Pare de Acreditar no Governo’ não completou três meses no MEC.

Foto: Reprodução/Grupo Editorial Record

BRUNO GARSCHAGEN, autor do ótimo livro Pare de Acreditar no Governo (2015), foi exonerado do cargo de assessor especial do ministro da Educação. A exoneração foi publicada no Diário Oficial desta quinta (4). Ele estava na posição desde 30 de janeiro.

O subtítulo do livro é “Por que os brasileiros não confiam nos políticos e amam o Estado“.

Garschagen é graduado em Direito e mestre em Ciência Política e Relações Internacionais.

O MEC tem sofrido com várias demissões nos últimos meses. O ministro Ricardo Vélez não conseguiu apresentar planos ou metas na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, na semana passada.

Leia também: Funcionário do MEC admite ação de ‘olavetes’ em ‘guerra cultural’

Siga A Agência no Twitter, Instagram e LinkedIn.

Para o Início