Chuva interrompe protesto pela Lava Jato em BH

No aniversário de 5 anos da Lava Jato, protesto foi disperso pela chuva. Foto: Cedê Silva/A Agência

No aniversário de 5 anos da Lava Jato, protesto foi disperso pela chuva.

Foto: Cedê Silva/A Agência

ASSIM QUE MANIFESTANTES gritaram ‘Fora Gilmar’ na manhã deste domingo (17), aniversário de 5 anos da Lava Jato, a chuva começou a cair forte na Praça da Liberdade, em Belo Horizonte.

A capital mineira está entre as dezenas de cidades onde ocorrem protestos similares em todo o Brasil contra a decisão do STF de transferir à Justiça Eleitoral o julgamento de crimes conexos ao de caixa 2.

Em BH, um dos manifestantes pediu “a PEC da Bengala”. Ele quis dizer o fim da PEC da Bengala, proposta de autoria da deputada federal Bia Kicis (PSL-DF). A medida pretende dar ao presidente Bolsonaro o poder de indicar mais ministros no STF. Pela regra atual, ele poderá indicar ao menos dois até o fim do mandato, em dezembro de 2022: os substitutos do decano Celso Mello e de Marco Aurélio Mello.

Gostaria de ajudar A Agência? Contribua com o financiamento coletivo (crowdfunding) do projeto.

Para o Início